Barueri sedia primeiro grande evento de drones no Brasil

Profissionais, amadores, entusiastas ou apenas curiosos, não importa, quem passou pelo Banzai Drone Experience, nos dias 23 e 24 de junho (sábado e domingo), se sentiu totalmente integrado à cultura dos drones de corrida que está começando a ganhar força no Brasil e no mundo.

O evento foi sediado pela primeira vez em Barueri, no Parque Ecológico, com o apoio da Prefeitura por meio da Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente (Sema). Ele reuniu pilotos profissionais, influenciadores digitais, entusiastas do esporte e demais interessados.

Proporcionar toda uma experiência, como o próprio nome já diz, foi o objetivo principal da programação, que permitiu aproximar profissionais e amadores. Além disso, marcou também uma etapa do campeonato sul-americano de drones de corrida, que classificou para o mundial, que será realizado pela primeira vez em solo brasileiro, e aqui, em Barueri, nos dias 18 e 19 de agosto também no Parque Ecológico. “A Cidade Inteligente passa a receber o primeiro grande evento de drones no Brasil”, comemorou um dos organizadores do evento, Henrique Jorge de Moraes.

A cara de Barueri
É um esporte novo que tem um potencial incrível, um mercado que fatura 10 bilhões de dólares por ano e não tem no Brasil, então nós trouxemos”, explica Henrique. Para ele, o município possui muito potencial para a atividade. “Barueri tem uma posição que é muita estratégica pro evento, de Cidade Inteligente. O drone é uma atividade inteligente, extremamente intelectual, é futuro. Outro ponto, um dos mais importantes: a localização geográfica e o espaço que o Parque permite. E não deixa de ser outro ponto o fato de nós sermos daqui”, detalhou.

Marco Antônio de Oliveira – o Bidu -, secretário de Meio Ambiente de Barueri, concorda. “A gente precisa trazer novidades, temos ferramentas para isso, temos parques muito bons, de primeira qualidade. Queira ou não queria, é tecnologia avançada e nós estamos trazendo novidades para o povo de Barueri. É um esporte sadio, a gente traz a família para o evento, é tudo muito positivo”, destacou Bidu.

Que o diga Jonatan Edson R. Alves, que veio de São Paulo com a esposa Simone, ambos pela primeira vez em Barueri, exclusivamente para o evento. Entrando agora nesse universo dos drones de corrida, Jonatan conversou com os Youtubers da área presentes no local e aprendeu bastante com os pilotos profissionais que ensinaram a montar e desmontar os já chamados “brinquedos de adultos”. “Drone racer é como se você tivesse asas e voasse. Eu tenho intenção de curtir muito esse hobby. Correr não é muito a minha cara, é mais para fazer manobra mesmo, curtir as imagens lá de cima. Eu acho bom porque é um esporte que não é muito conhecido no Brasil”, disse, animado.

A ideia é que esse tipo de evento passe a compor o calendário anual da cidade, além de atrair outros, fortalecendo a cultura de drones na região.TempTempTempTemp

Recomendado para você

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: